Guardas Municipais

Exército e Guarda Municipal estão nos terminais de Curitiba para orientar sobre a Covid-19

Desde as primeiras horas da manhã desta quinta-feira (14/5), soldados do Exército se juntaram a guardas municipais nos trabalhos de orientação e fiscalização nos maiores terminais de ônibus e em agências da Caixa Econômica Federal da cidade. O movimento na Caixa Econômica deve voltar a aumentar nos próximos dias, com o pagamento de nova parcela do auxílio emergencial destinado a trabalhadores informais.

A atividade integrada entre as forças, que nos terminais também envolve fiscais da Urbs, é voltada ao cumprimento de medidas indicadas pela área da saúde para prevenção ao novo coronavírus: distância mínima de 1,5m entre as pessoas nas filas e obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção.

O trabalho de orientação já vinha sendo feito pela Guarda Municipal em pontos estratégicos e, pelos próximos dez dias, recebe o apoio do Exército. Esse período pode ser prolongado, conforme a necessidade.

O Exército também tem a atribuição de organizar a partida dos ônibus dos terminais, garantindo que os veículos saiam com 50% de sua capacidade máxima. As normas de conduta seguem a resolução municipal nº 1/2020.

A força-tarefa será concentrada – entre 5h30 e 8h30 – nos principais terminais (Pinheirinho, Santa Cândida, Cabral, Centenário de Boqueirão). No fim do dia, entre 16h30 e 19h30,  a cooperação entre Prefeitura e Exército será nas estações-tubo nas praças Carlos Gomes, Rui Barbosa e na estação Central e no terminal do Pinheirinho. Serão 40 soldados em cada período.

Ainda seguindo as determinações da Saúde, a Urbs colocou marcações nos terminais para que os passageiros mantenham a distância mínima entre si e vem distribuindo panfletos sobre as orientações.

Outra ação será em relação à limpeza dos ônibus, que também ganhará reforço do Exército. A Urbs, que vem intensificando a limpeza de terminais, pontos e estações-tubo, vai contar com o apoio dos soldados para fazer a assepsia dos ônibus da frota. A limpeza, com quaternário de amônia (desinfetante e bactericida), será feita nos cerca de 800 ônibus que estão em circulação.

Kits da rede de ensino

A organização e o apoio da Guarda Municipal também se estende a Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e escolas onde estão sendo distribuídos kits de alimentação às famílias de todas as 145 mil crianças e estudantes da rede de ensino da Prefeitura. Os kits compensam a ausência de alimentação escolar durante a suspensão das aulas em decorrência da covid-19.

Por toda a cidade, desde o início de maio, 16.180 pessoas foram orientadas por guardas municipais quanto às regras vigentes para evitar a disseminação do novo coronavírus. Esse total inclui pessoas em canchas de futebol, parques e praças.

Fonte: https://www.bemparana.com.br